terça-feira, 10 de abril de 2012

Riscos

Rimar é um aprumar sem prumo. A semear sem sumo, um só remar sem rumo.

Gugu Keller

3 comentários:

  1. E mesmo sem rumo não podemos deixar de remar!! Beijos

    ResponderExcluir
  2. Porque sempre precisar de rumo,
    Se existem tantos portos para aportar?

    ResponderExcluir